PARTICIPAÇÃO NA MESA REDONDA DO 6º SICT SUL "INTEGRAÇÃO MERCADO E PESQUISA – O DESENVOLVIMENTO DE NOVOS PRODUTOS E PROCESSOS". | Rafael Glavam

PARTICIPAÇÃO NA MESA REDONDA DO 6º SICT SUL “INTEGRAÇÃO MERCADO E PESQUISA – O DESENVOLVIMENTO DE NOVOS PRODUTOS E PROCESSOS”.

PALESTRA EMPREENDEDORISMO PARA ASSOCIAÇÃO EMPRESARIAL DE ARARANGUÁ.
2 de outubro de 2017
PREFÁCIO EM LIVRO DE VENDAS.
28 de outubro de 2017

O Consultor Empresarial, Analista Estratégico e Professor Rafael Bianchini Glavam participou da Mesa Redonda “Integração mercado e pesquisa – O desenvolvimento de novos produtos e processos” na Unidade Criciúma do Instituto Federal de Santa Catarina (IFSC),  durante o VI Simpósio de Integração Científica e Tecnológica do Sul Catarinense (Sict-Sul), realizado de 23 a 25 de outubro de 2017.

O evento é realizado pelos Campi Araranguá, Criciúma e Tubarão do IFSC, Sombrio e Santa Rosa do Sul do Instituto Federal Catarinense (IFC) e Araranguá da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC).

A mesa-redonda do terceiro dia, “Integração mercado e pesquisa – O desenvolvimento de novos produtos e processos”, foi coordenada pelo professor Fernando Henrique Milanese (Câmpus Araranguá da UFSC) e pelo Professor e Consultor Empresarial Rafael Bianchini Glavam. Os debatedores destacaram a importância de formar novos pesquisadores de qualidade que possam contribuir com ideias que fomentem novos produtos para o mercado. “Temos que implantar essa filosofia no Brasil. Estamos ampliando os institutos federais e as universidades e precisamos de instituições que forneçam também pesquisadores para fomentar o mercado. Precisamos ser inovadores”, afirma Fernando.

Já Rafael Bianchini Glavam, que além de Consultor e Empresário, é docente com 20 anos de experiência, ressaltou que, embora o tempo da academia nem sempre acompanhe o ritmo do mercado, é preciso fomentar projetos com rigor científico. “Os melhores alunos, os melhores pesquisadores, vem daqui. Das instituições de ensino públicas. É urgente a necessidade de implantar melhorias no mercado e os melhores estão aqui. No mercado, tudo depende da prática, mas ela só vem por meio de boas teorias”, afirmou.

O 6º Sict-Sul também apresentou resultados de pesquisas desenvolvidas nas áreas de Educação e Ensino, Gestão, Ciências da Computação, Engenharias, Ciências Agrárias, Ciências Exatas e da Terra, Meio Ambiente e Sustentabilidade, Saúde, Ciências Sociais e Humanas e Produção Cultural e Design.

Mais informações no link https://www.ifsc.edu.br/conteudo-aberto/-/asset_publisher/1UWKZAkiOauK/content/id/823322

 

Abrir conversa
Precisa de ajuda?
Olá, podemos ajudar?
Powered by